Ana Carolina

Para acompanhar a letra clique no desenho da folha dentro do player. Para assistir os vídeos disponíveis veja se a câmera dentro do player aparece e clique nela. Para ouvir as músicas na ordem original, clique em Ordenação original.. Divirta-se com as nossas rádios on line.

 

Ana Carolina
Ana Carolina em 2009, durante uma apresentação da tour Dois Quartos em Belo Horizonte.
Informação geral
Nome completo Ana Carolina Souza
Apelido Ana
Nascimento 9 de setembro de 1974 (36 anos)
Origem Juiz de ForaMinas Gerais
País  Brasil
Gêneros MPBbossa novajazzsambapoptango eletrônico
Salsa
Ocupação Cantoracompositoraempresária e produtora
Instrumentos VocalViolãoPandeirobaixoguitarra e piano
Modelos de instrumentos Gibson Les Paul
Tom Anderson Crowdster
Extensão vocal Contralto
Período em atividade 1992 - Presente
Gravadora(s) Sony BMGSom Livre e Armazém Produções
Afiliações John LegendLuiz MelodiaMaria BethâniaPreta Gil,Maria Gadú Cássia EllerLuiza PossiGal Costa,Mart'náliaRoberta SáÂngela Rô RôChiara Civello,Antônio VilleroySeu JorgeZizi Possi e Zélia Duncan
Influência(s) Chico BuarqueJoão BoscoMaria BethâniaGilberto GilNina SimoneBjörkMadonna e Alanis Morissette
Página oficial

AnaCarolina.art.br

Minha Vida

 
Breve Histórico:
 Ana Carolina Souza (Juiz de Fora, 9 de setembro de 1974) é uma cantora, compositora, arranjadora e instrumentista brasileira.
Em 2001, Ana Carolina faz composições e interpreta música para o filme 'Amores Impossíveis', 'Velas e Vento' e 'Margem da Pele', esta última é interpretada por Paula Lima.
Em Abril do mesmo ano, o segundo álbum, Ana Rita Joana Iracema e Carolina, com onze letras compostas por ela e, as várias mulheres criadas por Chico Buarque, fazem parte do título do álbum, como uma homenagem que a cantora faz ao seu grande ídolo.
O álbum vendeu 100 mil cópias, e ficou com duas semanas com o 2° mais vendido do Rio de Janeiro e São Paulo e, em 15 dias foi contemplado com o disco de ouro, depois de platina e, ultrapassou a marca de 300 mil exemplares.
CURIOSIDADE :
Aos 16 anos, Ana Carolina tomou a decisão de contar para a mãe que se sentia diferente das amigas, revelou que era bissexual. A condição da filha foi respeitada, ainda que mais tarde ela tenha enfrentado cobranças.